SEGUP | Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social | www.segup.pa.gov.br

As ações se encerram no dia 3 de janeiro com o retorno dos paraenses para a capital e demais municípios.

 

A Polícia Civil do Pará reforçou o efetivo nos balneários mais frequentados pelos paraenses no estado. Com o início da segunda fase da operação “Boas Festas”, Salinópolis e demais balneários estão sendo alvo de fiscalização e policiamento ostensivo.

"Com isso, vamos garantir mais tranquilidade e segurança à população paraense e aos turistas, já que neste período há maior circulação de pessoas e de dinheiro nas praias e áreas comerciais deste locais", informou o delegado-geral Walter Resende. As ações se encerram no dia 3 de janeiro com o retorno dos paraenses para a capital e demais municípios. Em Salinópolis, na região nordeste, equipes percorreram estabelecimentos comerciais na manhã desta sexta-feira (24) em trabalho de fiscalização.

A ação tem à frente a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), em trabalho conjunto com os demais órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública do Estado e município. O foco é garantir a segurança da população no período, além de se fazer cumprir o Decreto 2044, que trata da Política Estadual de incentivo à vacinação contra a Covid-19. 

 

Decreto estadual

“Nosso objetivo é também conter a proliferação do coronavírus, além de instituir a política de vacinação. Por isso, vamos reforçar a fiscalização em estabelecimentos comerciais como bares, restaurantes e casas de show, para verificar se esse locais estão cumprindo as medidas estabelecidas em Decreto”, pontuou o delegado Hennison Jacob, titular da Diretoria de Polícia do Interior (DPI). 

Outra frente de trabalho está voltada para reforçar as fiscalizações das normas de prevenção determinadas no novo decreto governamental - 2044, que aborda a Política Estadual de incentivo à vacinação contra a Covid-19. A Polícia Civil e demais equipes da segurança farão a fiscalização dos estabelecimentos comerciais para assegurar que todas as medidas sejam cumpridas.

Além de Salinópolis, a Polícia Civil reforçou o efetivo e estendendo as fiscalizações nos municípios de Bragança, Mosqueiro, Marudá e Barcarena. 

 

Reforço

A ação coordenada pela Segup conta com um reforço no efetivo de mais de 1,5 mil agentes nos principais municípios do interior, além do efetivo local.

A operação será executada, além da Polícia Civil, com integrantes dos órgãos do Sistema de Segurança: Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Departamento de Trânsito do Estado (Detran), Centro Integrado de Operações (Ciop), Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC), Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), grupamentos Aéreo e Fluvial (Graesp e Gflu), Guarda Municipal de Belém e Secretaria Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob), além de órgãos municipais de segurança dos demais municípios.

Por Rodrigo Reis (PC)

 

Veja Também