SEGUP | Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social | www.segup.pa.gov.br

Anunciada no início do ano pelo governador Helder Barbalho convocação é uma das estratégias para ampliar as melhorias que têm sido feitas na segurança pública do Pará

A Polícia Militar, por meio do Departamento-Geral de Pessoal (DGP), conclui, nesta terça-feira (11), o período de habilitação para os 732 candidatos que ficaram excedentes no concurso para o Curso de Formação de Praças (CFP) e Curso de Formação de Oficiais (CFO). A etapa consiste na matrícula dos candidatos e é fase imprescindível para concluir a habilitação aos cursos, previstos para iniciarem na próxima segunda-feira (17).

Publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de 5 de janeiro de 2022, a convocação dos candidatos excedentes foi anunciada pelo governador Helder Barbalho como estratégia para ampliar as melhorias que têm sido feitas na segurança pública paraense. Com a nova chamada, a Polícia Militar passa a contar com 3.137 alunos em formação, que em breve passarão a aumentar o efetivo policial nas ruas e levar mais segurança à população.

 

Habilitação

Durante o processo, o candidato passa primeiramente por uma triagem, em que é verificado se a documentação está em conformidade com o solicitado. No caso do CFP, também é nessa fase que o candidato escolhe um entre os 25 locais de formação espalhados pelo estado, conforme sua colocação no certame. Em seguida, ele é encaminhado para os laboratórios de informática, etapa em que será concluída a matrícula.

“O comandante-geral, coronel Dilson Júnior, autorizou que fosse montada uma comissão de habilitação, matrícula e incorporação para os novos candidatos que foram aprovados tanto no CFO, quanto no CFP. Essa comissão é composta por 50 policiais militares, de diversas unidades, e tem recebido, em média, 460 candidatos diariamente, atendendo a aproximadamente 60 deles por hora”, informou o chefe da Subseção de Seleção, Mobilização, Recadastramento e Pessoal Civil do DGP, capitão Renato Rodrigues.

De acordo com ele, para garantir a segurança dos candidatos e a organização do procedimento administrativo, o Departamento-Geral de Pessoal solicitou apoio do Comando de Missões Especiais, Batalhão de Polícia Rodoviária e do Batalhão de Polícia de Guarda.

Entre os aprovados na repescagem para o CFP estão 40 mulheres e 595 homens, enquanto para a habilitação ao CFO foram convocadas mais 11 mulheres e 86 homens.

A previsão é de que o Curso de Formação de Praças seja concluído em 9 meses no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), na capital, e em outros 24 polos, entre eles os recém-inaugurados em Mosqueiro, Oriximiná e Monte Alegre. Já o Curso de Formação de Oficiais, com todos os candidatos bacharéis em direito, deve ser concluído em 18 meses na Academia de Polícia Militar, localizada em Marituba, Grande Belém.

Por Cabo Taiane Figueiredo (Ascom/PM)

 

Veja Também