SEGUP | Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social | www.segup.pa.gov.br

Coordenada pela Segup, a ação começou em 3 deste mês e seguirá até 3 de janeiro de 2022, para imprimir maior segurança e tranquilidade neste final de ano.

A partir desta quarta-feira (23), as equipes de segurança do Estado já estão articuladas para dar seguimento a segunda fase da operação “Boas Festas”, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), juntamente com os demais órgãos do Sistema de Segurança Pública do Estado e dos Municípios, com objetivo de garantir a segurança da população, que neste período busca os principais balneários e praias do Estado para passarem as festas de final de ano.

A operação “Boas Festas” iniciada, no dia 3 de dezembro, com o intuito de garantir mais tranquilidade e segurança ao patrimônio público e privado a fim de proporcionar segurança durante as compras e a circulação de maior quantitativo de dinheiro nas áreas comerciais da capital e interior, segue para a segunda parte, com atenção direcionada aos municípios. As ações serão finalizadas no dia 3 de janeiro, já com o retorno dos paraense das praias e balneários.

“Essa segunda fase da operação “Boas Festas” foi planejada pela Segup em parceria com os órgãos de segurança do Estado e Municípios com foco na segurança dos cidadãos paraenses que vão se deslocar da capital para o interior para confraternizar com os amigos e familiares nos principais balneários nessa época do ano”, falou o secretário adjunto de operações da Segup, coronel Alexandre Mascarenhas.

Durante essa fase, as equipe de segurança concentrarão esforços nas rodovias, em especial, na organização do fluxo de entrada e saída da capital, bem como, nas regiões mais procuradas pelos turistas nessa época do ano. 

“Avaliando essas condições já estamos nos organizando para acompanhar desde a saída de Belém, por meio da operação “Saída Segura”, onde o Detran aumenta a fiscalização  nas rodovias estaduais com o apoio da Policia Rodoviária Federal. Assim como teremos maior fiscalização nas áreas fluviais, com a participação do Grupamento Fluvial de Segurança verificando as embarcações que trafegam na Região Metropolitana de Belém e cidades de  maior atração de turísticas nesse período”, pontuou o coronel Alexandre Mascarenhas.

Serão intensificadas também as fiscalizações, as ações preventivas e ostensivas com o intuito de garantir tranquilidade e paz social para todos, como destaca o secretário da Segup. “Nos próprios locais de concentração de pessoas será aumentado o quantitativo de policiamento ostensivo com efetivo das Polícias Civil e Militar para atender as demandas de segurança pública. Aumentaremos também as fiscalizações no trânsito, especialmente, em relação à alcoolemia, por meio de operações realizadas pelo Detran, em parceria com a Polícia Civil. Nosso planejamento está sendo realizado para garantir um final de ano pacífico para a nossa população”, reforçou o secretário.

Decreto - Além das ações policiais serão feitas também ações diuturnas para reforçar as fiscalizações das normas de prevenção determinadas no novo decreto governamental - 2044, sobre a Política Estadual de incentivo à vacinação contra a Covid-19.

Segundo Alexandre Mascarenhas, as equipes de Segurança estarão fiscalizando os estabelecimentos comerciais para que todas as medidas sejam cumpridas. “Vamos dar cumprimento também ao Decreto 2044 do governo do Estado, que pretende

 conter a proliferação do coronavírus, além de instituir a política de vacinação. Os estabelecimentos comerciais como bares, restaurantes e casas de show estarão sendo fiscalizados por uma equipe integrada, formada pelos órgãos do sistema, para verificar se esse locais estão cumprindo as medidas estabelecidas em decreto”, enfatizou. 

Reforço - A ação contará com um reforço no efetivo de mais de 1,5 mil agentes nos principais interiores, além do efetivo local. A operação será executada de forma conjunta por integrantes dos órgãos do Sistema de Segurança, como as Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Departamento de Trânsito do Estado (Detran), Centro Integrado de Operações (Ciop), Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC), Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), grupamentos Aéreo e Fluvial (Graesp e Gflu), Guarda Municipal de Belém e Secretaria Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob), além de órgãos de segurança dos municípios.

Por Walena Lopes (SEGUP)

 

Veja Também