Início » Segup apresenta titular da diretoria de prevenção à comunidade

Segup apresenta titular da diretoria de prevenção à comunidade

A Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) apresentou, nesta quinta-feira (25), a nova titular da Diretoria de Prevenção Social da Violência da Criminalidade (Diprev), Major Luciana Oliveira, durante reunião no plenário da instituição.

Com extensa carreira na segurança pública e formação voltada para a defesa social e cidadania, bem como especialização no campo de polícia comunitária, a Major Luciana Oliveira afirmou que seu trabalho irá destacar as ações preventivas.

“A Diprev trabalha com prevenção. É preciso atuar na causa do problema e não somente na consequência dele. É necessário identificar quais são os fatores que estão colaborando para que determinados crimes aconteçam, seja envolvendo a mulher, a criança, o adolescente, o grupo LGBT e as diversas comunidades. É preciso compreender esse processo e, a partir dessa compreensão, implementar ações que visem combater e atuar, preventivamente, de forma que se reduza os índices da criminalidade e se consiga chegar ao controle. Este será nosso grande desafio”.

Em sua fala, o secretário de Segurança Pública, Ualame Machado, agradeceu a presença da comunidade e ressaltou que o trabalho integrado é essencial para se chegar aos resultados esperados. “A função de todos é tentar trabalhar em conjunto, para que se possa fomentar e demonstrar a maior presença do Estado, pois grande parte do que ocorre é justamente por causa dessa ausência”.

Os representantes do Conselho Comunitário de Segurança e lideranças foram convidados a dar um breve depoimento sobre a expectativa para nova gestão. A líder da comunidade do Distrito de Outeiro, Aline Duarte, apontou a importância da relação entre a comunidade e o Estado.

“Não é fácil ser liderança, não é fácil trazer a comunidade para dentro dos sistemas de gestão. Só quem está nessa luta é que sabe das dificuldades. Tentamos de todas as maneiras amenizar o sofrimento das comunidades. É necessário ter uma abertura maior entre a comunidade e as lideranças comunitárias, porque é dessa maneira que vamos poder fazer um caminho melhor para a segurança pública”, apontou.

Estiveram presentes no evento o secretário de segurança pública, Ualame Machado, os secretários adjuntos de Operações, Rômulo Rodovalho, e de Administração, Arthur Moraes, lideranças comunitárias e representantes do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg).

Por Myllena Alves
Com supervisão de Laís Menezes
Imagem: Elielson Modesto