SEGUP | Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social | www.segup.pa.gov.br

O Pará está entre os seis estados brasileiros que mais reduziram os índices de crimes violentos. É o que aponta um levantamento feito pelo portal G1, por meio do "Monitor da Violência". Os dados são referentes ao ano de 2019. No país, a queda atingiu 19%, que de acordo com a pesquisa é a maior redução desde 2007.

Na análise estão contabilizados o número de vítimas de homicídios dolosos (incluindo os feminicídios), latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Além do Pará, figuram entre os que mais reduziram os crimes os estados de Roraima, Ceará, Acre, Amapá e Rio Grande do Norte, todos no norte e nordeste do Brasil.

No ano de 2019, o Pará obteve a redução de 30% nos números de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). Em 2018 foram 4.063 ocorrências registradas, enquanto que em 2019 foram 2.863, o que representa 1,2 mil crimes a menos. Dos 144 municípios paraenses, 76 reduziram as ocorrências de CVLI durante o ano de 2019.

O crime de feminicídio também apresentou redução de 32% no ano de 2019 em relação ao número computado no ano de 2018. Tendo sido registrados 68 e 46 casos, respectivamente. Uma redução de 22 ocorrências.

De acordo com o secretário de segurança pública do Pará, Ualame Machado, os resultados obtidos pelo Estado se dão por uma série de medidas e políticas públicas adotadas desde o início da gestão.

“Essa redução se deve à política implementada principalmente dos Territórios Pela Paz, na qual mapeamos e identificamos os locais que mais necessitavam do aporte da segurança pública. Além de estratégias específicas de cada força do sistema de segurança, como a policia militar com a operação Policia Mais Forte, que levou mais policiais e viaturas às ruas; a Polícia Civil investigando com mais celeridade; a perícia melhorando a qualidade do trabalho; e um forte controle do sistema carcerário”, explicou Ualame Machado.

Embora tenha havido redução da média nacional em 2019, nove estados do país apresentaram aumento nos números no último trimestre, segundo o monitor da violência, são eles: Santa Catarina, Rondônia, Bahia, Sergipe, Espírito Santo, Amazonas, Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo. No caso do Pará as reduções foram computadas em todos os 12 meses do último ano.

 

Por Laís Menezes

 

Veja Também