Operação Lei Seca orienta sobre risco de álcool e direção

Voltar
As ações em pontos estratégicos de Santarém foram definidas em reunião realizada no Centro de Governo do Baixo Amazonas, com representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Detran, Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, Conselho Tutelar e Polícia Rodoviária Federal

Agência Pará de Noticias

Os órgãos que integram o Sistema de Segurança Pública na região do Baixo Amazonas iniciam a Operação Lei Seca em Santarém para orientar e notificar condutores de veículos que insistem em dirigir após o consumo de bebida alcoólica, o que é proibido pelo Código de Trânsito Brasileiro (Lei nº 9.503 de 23/09/1997).

As ações, definidas em reunião realizada no Centro de Governo do Baixo Amazonas, ocorrem em pontos estratégicos e contam com o reforço da Polícia Militar, por meio do Comando de Policiamento Regional I (CPR 1), 3º BPM e 35º BPM; Corpo de Bombeiros (4º GBM); Departamento Estadual de Trânsito/Circunscrição Regional (Ciretran de Santarém); Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPC); Prefeitura de Santarém (via secretarias Municipais de Mobilidade e Trânsito e do Meio Ambiente); Conselho Tutelar e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com o comandante do CPR 1, coronel Helson Tomaso, a legislação sobre infrações de trânsito, em relação a quem dirige após ingestão de bebida alcoólica, está mais rígida, e o objetivo dos órgãos de segurança é acima, de tudo, trabalhar a prevenção.

Preservar a vida - "Nossa operação é específica para orientar os motoristas sobre a importância de preservar a vida e os riscos que podem trazer o consumo de bebida alcoólica e direção. Uma grande preocupação que nós temos é, sobretudo, aos fins de semana, quando muitas pessoas seguem para os balneários da cidade, e quando retornam podem ter cometido alguns excessos, e também na saída de festas que ocorrem pela cidade", ressaltou o comandante.

A infração para quem dirige sob efeito de álcool é considerada gravíssima. De acordo com o artigo 165, as penalidades variam de multa à suspensão do direito de dirigir por 12 meses (Lei nº 12.760, de 2012), incluindo medida administrativa com recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo. Aplica-se, também, em dobro a multa prevista em caso de reincidência no período de até 12 meses.

Por Samuel Alvarenga 


 

 

 

Pro Paz

 

 

Disque Denuncia

 

expresso pará - webmail

 

 

 

 

 

Copyright 2018 SEGUP - Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social

Endereço: Rua Arciprestes Manoel Teodoro, 305 - Batista Campos - Belém PA, CEP: 66023-700

Fone: (91) 3184-2500

E-mail:segup.ascom@gmail.com

Desenvolvimento: PRODEPA  Usando CMS livre - Drupal  Sítio Acessível