Início » Coronel Dilson Júnior assume o Comando Geral da Polícia Militar do Pará

Coronel Dilson Júnior assume o Comando Geral da Polícia Militar do Pará

A Polícia Militar do Pará realizou, nesta terça-feira (8), na sede do Comando Geral da instituição, na rodovia Augusto Montenegro, em Belém, a solenidade de transmissão do cargo de Comandante Geral da PMPA. A cerimônia contou com a presença do governador Helder Barbalho e demais autoridades do Estado.

No evento militar, o 52º comandante geral da PMPA, coronel PM José Dilson Melo de Souza Júnior, assumiu oficialmente o mais alto posto da corporação. Com 27 anos de efetivo de serviço, Dilson Júnior traz na bagagem experiências operacionais em Belém, Região Metropolitana e interior paraense com destaque para os comandos da Capital (CPC) e da Região Metropolitana (CPRM), além de ter atuado como Corregedor Geral e Diretor de Ensino e Instrução (DEI) da Polícia Militar do Pará.

Desafios - Sob o comando de Dilson Júnior, a PM, alinhada às diretrizes do Governo Helder Barbalho, terá a missão de intensificar o policiamento em 36 cidades paraenses, onde estão concentrados 80% dos casos de homicídios e roubos do Estado. Belém, Ananindeua, Marituba, Abaetetuba, Castanhal e Marabá são exemplos dessa concentração de delitos, quantificados pelo setor estatístico da corporação.  

Efetivo, SOS PM e construção de unidades habitacionais

Outra ação importante anunciada pelo novo comandante, será o incremento do número do efetivo, a ser feito por meio do pagamento das jornadas extraordinárias aos militares que estiverem no momento de folga. Outra novidade é o lançamento do aplicativo “SOS PM”, recurso tecnológico de prevenção e de resguardo da integridade física de policiais e o reforço nas capacitações de autoproteção. A nova gestão também fará o lançamento de licitação para a construção de unidades habitacionais em Belém, Marabá e Santarém por meio de financiamento via Caixa Econômica Federal (CEF).

Presença – Outro projeto a ser desenvolvido pela nova gestão será o “PM Presente”, ação em que policiais da área administrativa, fora do expediente, atuarão em pontos estratégicos da cidade com grande circulação de pessoas, no período das 17h às 23 horas. Sessenta viaturas, utilizadas no trabalho administrativo da instituição, serão empregadas no reforço logístico destas ações ostensivas. O projeto está previsto para ser lançado no próximo dia 12, na Avenida Visconde de Souza Franco, em Belém.

“A sociedade paraense pode esperar muito trabalho e muita dedicação da nova gestão da Polícia Militar. Nosso objetivo maior é desenvolver ações de enfrentamento à criminalidade, diuturnamente,com técnica e inteligência policial. E, para isso, nosso planejamento prioriza o reforço do efetivo e a garantia de melhores condições de trabalho aos nossos policiais”, frisou o comandante Dilson Júnior.

Durante a solenidade, o governador Helder Barbalho anunciou algumas ações que serão adotadas para combater a criminalidade e implementar a atuação da Polícia Militar na capital e interior do Estado. Ele informou que já solicitou ao Governo Federal o apoio do efetivo da Força Nacional para intensificar o policiamento nas regiões de maior incidência de crimes. “Também vamos viabilizar a criação de um plano habitacional e de programas de proteção, não apenas para os policiais militares, mas também para a sua família”, ressaltou.

Currículo – Com 47 anos, o coronel QOPM José Dilson Melo de Souza Júnior ingressou nos quadros da PMPA em 1992. Ele é bacharel em Direito (Universidade da Amazônia) e mestre em Segurança Pública (Universidade Federal do Pará). Ao final do Curso de Formação de Oficiais (CFO), Dilson Júnior se destacou como o primeiro lugar do curso, o que lhe rendeu a medalha “General Ferreira Coelho”.

Também alcançou a primeira colocação no Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO) e no Curso Superior de Polícia (CSP), sendo o primeiro oficial da Polícia Militar paraense a alcançar a Tríplice Coroa, ou seja, os três primeiros lugares nos cursos obrigatórios da carreira de oficial da PM. Nos 27 anos de corporação, o militar recebeu várias medalhas de honra ao mérito, entre as quais a de 200 anos da PMPA (2018), Coronel Cândido Mariano, patrono da PMAM (2017), Tiradentes e TJE (2015) e Coronel Fontoura (2014).

Até chegar ao posto de comandante geral da PM, o coronel Dilson Júnior desenvolveu inúmeras funções na corporação, desde 1994, quando começou com a atividade de instrutor de pelotão na Academia de Polícia Militar “Coronel Fontoura”. Dilson Júnior atuou como ajudante de ordens, chefe do Centro Estratégico do Comando de Missões Especiais (CME), comandante da 6ª Zona de Policiamento (Comércio), subcomandante do 5º BPM (Castanhal), comandante do 20º BPM (Guamá), 10º BPM (Icoaraci) e 12º BPM (Santa Izabel do Pará). Exerceu ainda a função de comandante do Comando de Policiamento da Região Metropolitana (CPRM), comandante do Comando de Policiamento da Capital (CPC), Corregedor Geral e diretor de Ensino e Instrução da PM.