Início » Atualização de agentes de segurança vitimas de crimes com característica de latrocínio e/ou execução

Atualização de agentes de segurança vitimas de crimes com característica de latrocínio e/ou execução

A Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) informa que de janeiro a 23 de agosto de 2018, 34 Policiais Militares foram mortos vítimas de crimes com característica de latrocínio e/ou execução no Pará, além da morte de dois investigadores de Polícia Civil, dois agentes penitenciários, e três guardas municipais, totalizando 41 agentes da segurança pública. Dos 34 homicídios de PM’s, 21 estão com autoria presa, identificada ou morta, e apenas quatro ainda estão em apuração, ou seja, ainda não esclarecidos.

A Polícia Civil foi reforçada para agilizar a elucidação dos crimes. Qualquer informação pode ser repassada pelo Disque-Denúncia, no 181. O sigilo é garantido.

O Centro Estadual de Inteligência em breve será instalado pelo Governo do Estado. No local funcionará o Centro Regional, ampliando a cobertura e a troca de informação no combate ao crime organizado na região. No espaço, também vai funcionar a Divisão Especial de Investigação de Crimes contra Agentes Públicos, especialmente, policiais civis e militares.

 

Por: Aline Saavedra