Bombeiros recebem treinamento de combate a incêndios urbanos em Santarém

Voltar
Estão sendo capacitados, ao todo, 28 militares. Durante o treinamento eles vão aprimorar técnicas para atuar nas ocorrências cotidianas, repassadas em aulas teóricas e práticas, com apoio de instrutores com larga experiência neste tema.

Agência Pará de Notícias.

Integrantes do 4º Grupamento de Bombeiros Militar (4º GBM), com sede em Santarém, iniciaram esta semana o 1º Curso de Combate a Incêndios Urbanos. Durante o treinamento eles vão aprimorar técnicas para atuar nas ocorrências cotidianas, a partir de estratégias de repassadas em aulas teóricas e práticas, com apoio de instrutores com larga experiência neste tema. O curso segue até o dia 15.

Estão sendo capacitados, ao todo, 28 militares. De acordo com o comandante do 4º GBM, tenente coronel Luis Cláudio Rêgo, o curso busca formar militares especializados nesse tipo de intervenção. "É muito importante garantirmos essa capacitação principalmente nesse período, já que nessa época do ano a ocorrência de incêndios no perímetro urbano de Santarém é muito grande, especialmente em áreas de vegetação. E quem tem a ganhar com isso é a população", ressalta o comandante.

Um incêndio não controlado pode se se transformar em uma catástrofe, podendo causar impactos negativos em toda a cidade. Por isso, de acordo com um dos instrutores do curso, capitão Marcelo Santos, da Defesa Civil Estadual, é importante que os alunos tenham conhecimento da parte que envolve a proteção e a Defesa Civil. "A resposta a um desastre não diz respeito somente a uma fase. Você não só precisa salvar a vida de pessoas, mas dar assistência às famílias, principalmente as que tiveram alguma vítima fatal, além de cuidar de outras questões", explica.

Para incêndios de grandes proporções, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil utilizam o Sistema de Gerenciamento de Desastres, espécie de comando central de uma grande operação, onde são acionados outros órgãos para dar apoio. "O Sistema ajuda a fazer uma avaliação sobre decretação de estado de emergência ou calamidade pública. O curso é resultado de uma parceria entre a Defesa Civil Estadual e o Corpo de Bombeiros Militar, porque é interesse desses órgãos disporem de profissionais capacitados para dar respostas e controlar incêndios urbanos, mas que também saibam como gerenciar ações de Defesa Civil", informou o capitão Marcelo.

Edificações - Uma das abordagens do curso vai demonstrar aos participantes os riscos que envolvem as edificações, a partir do momento em que a urbanização se dá sem o planejamento adequado. “A ideia é que os bombeiros militares do oeste do Pará se atualizem quanto aos novos aspectos tecnológicos e táticos do combate a incêndios.

“Há duas situações opostas que são decorrentes do processo de expansão das cidades: a precariedade das residências localizadas nas áreas periféricas e a modernidade das edificações que ocupam as áreas centrais. O curso busca atender esses dois aspectos, preparando os militares para o emprego de técnicas que atendam os critérios de segurança dessas novas e modernas edificações, e por outro, que estimule uma cultura educacional de proteção junto aos moradores dessas habitações deficitárias", explicou o subtenente César Augusto.

Por Samuel Alvarenga 


 

 

 

Pro Paz

 

 

Disque Denuncia

 

expresso pará - webmail

 

 

 

 

 

Copyright 2017 SEGUP - Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social

Endereço: Rua Arciprestes Manoel Teodoro, 305 - Batista Campos - Belém PA, CEP: 66023-700

Fone: (91) 3184-2500

E-mail:segup.ascom@gmail.com

Desenvolvimento: PRODEPA  Usando CMS livre - Drupal  Sítio Acessível